Site de notícias vinculado ao Sindicato Rural de Guarapuava

Biotrigo

Quinta-feira, 02 de abril de 2020

Produtores rurais poderão entregar Imposto de Renda até 30 de junho

Medida fez parte da lista de propostas encaminhada pela CNA em parceria com a FAEP. Agricultores podem procurar ajuda nos sindicatos rurais

O governo federal prorrogou pelo prazo de 60 dias a entrega das declarações de Imposto de Renda de pessoas físicas 2020. A entrega, inicialmente agendada até o dia 30 de abril, poderá ser realizada até 30 de junho. A decisão ocorre por causa da pandemia do coronavírus e atende uma das propostas do setor rural brasileiro.

Na última semana do mês de março, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) encaminhou à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em caráter de urgência, um conjunto de propostas para que os produtores rurais brasileiros possam superar os transtornos e impactos causados pela pandemia do coronavírus. As medidas são voltadas especialmente para a prorrogação dos prazos dos financiamentos, sem que isso acarrete em dificuldades de acesso ao crédito rural para a safra 2020/21, e diferimento da tributação. A lista de proposta foi construída em parceria com a FAEP e demais federações da agricultura do país

Declaração

A multa que seria aplicada para quem não entregasse em 30 de abril só será cobrada se o contribuinte não obedecer a data de 30 de junho. Outro prazo que muda será o de entrega das restituições. O primeiro lote estava marcado para 29 de maio, mas será alterado, em razão desse adiamento.

De acordo com a Receita Federal, até o último dia do mês de março já haviam sido entregues 8,1 milhões de declarações, cerca de 25% do total. A expectativa do governo federal é receber mais de 32 milhões de declarações em 2020.

Texto e foto: FAEP

Comentários

Todos os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Você pode denunciar algo que viole os termos de uso.


Biotrigo