Site de notícias vinculado ao Sindicato Rural de Guarapuava

Microgeo 2

Quarta-feira, 28 de junho de 2017

Em Guarapuava, feira repete tradicional sucesso

O Núcleo de Produtores de Bezerros de Guarapuava alcançou mais uma vez sucesso com a 43ª edição de sua Feira Estadual de Bezerros. Realizado durante a tarde do dia 7 de maio, no Recinto de Leilões Dário Silva Araújo, no Parque Lacerda Werneck, o evento chamou a atenção pela qualidade dos lotes conduzidos à pista: animais Angus, Braford, Brangus, Canchim, Charolês, Nelore, Tabapuã e cruzamentos industriais. Compradores encontraram excelentes opções para incrementar seus plantéis. Vendedores, preços à altura do elevado padrão dos bezerros.

De acordo com a Gralha Azul Remates, responsável pela comercialização, a etapa de Guarapuava alcançou a melhor média de preços de um ciclo de feiras de bezerros iniciado em abril e promovido em municípios como Pinhão, Bituruna, Turvo, Pitanga e Candói. Para bezerros, o valor médio foi de R$ 6,64/kg (peso médio 236 kg por animal). Entre as novilhas, R$ 6,00/kg (peso médio 205kg por animal). Após o evento, a empresa estimou a movimentação em torno de R$ 1,2 milhão.

Compareceram também à feira de Guarapuava, organizadores e lideranças rurais, como o presidente do Núcleo de Produtores de Bezerros, Cláudio Marques de Azevedo, o vice-prefeito do município, Itacir Vezzaro, o presidente da Sociedade Rural de Guarapuava, Denilson Baitala, o presidente da Cooperaliança, Edio Sander, e o presidente do Sindicato Rural de Guarapuava, Rodolpho Luiz Werneck Botelho. A entidade sindical foi uma das apoiadoras do evento.

Como já é tradição, antes do início das vendas, a programação iniciou com destaque para os criadores dos melhores lotes de animais. Organizadores e lideranças convidaram os pecuaristas ganhadores a receber seus troféus e o aplauso dos demais participantes (Confira nomes e categorias no box desta matéria).

Em entrevista para a REVISTA DO PRODUTOR RURAL, o presidente do Núcleo de Produtores de Bezerros de Guarapuava ressaltou que o padrão e a diversidade dos animais, por mais um ano, consolidaram a feira de Guarapuava como um dos melhores espaços, no Paraná, para a aquisição de bezerros. “Tanto os machos, quanto as fêmeas, tiveram, na qualidade, o ponto alto – um leque de raças que atendeu à necessidade de todos os compradores. Havia animais leves e pesados. Aqui, o produtor pode escolher de acordo com aquilo que precisava. As médias, tanto de bezerros, quanto de bezerras, foram as maiores de todos os leilões do circuito das feiras. Isso tradicionalmente deve-se à qualidade dos animais trazidos aqui pelos associados do Núcleo de Produtores de Bezerros de Guarapuava”, avaliou. Azevedo também disse ter visto, na presença predominante de pecuaristas do centro-oeste e centro-sul do Paraná, um ponto positivo: “Os compradores, a maioria é daqui, da região: vários terminadores da Cooperaliança – acredito que eles devem ter comprado mais de 50% dos animais – e algumas pessoas de fora, que vieram contribuir para o êxito da comercialização”.

Ainda de acordo com o presidente do Núcleo, o evento desempenha a função de parâmetro para negócios no segmento regional. “A Feira de Bezerros de Guarapuava é um balizador de preços para a comercialização que acontece fora do leilão. O mercado, o vendedor de bezerros precisa dessa referência. Com isso, ele sabe em quanto está girando o preço, quanto é um preço justo. Então, temos que manter esta tradição, continuar com esta feira”, observou Azevedo.

Quem também fez uma avaliação positiva da feira foi o leiloeiro Max Tedy de Col Teixeira. “Esta foi uma feira excepcional em todos os sentidos: a qualidade dos animais, a liquidez e principalmente o preço médio, que superou todas as expectativas. Prova de que qualidade merece investimento. Os criadores investiram porque sabem que têm um retorno rápido e garantido”, afirmou.

Conforme a tradição, a Feira de Bezerros de Guarapuava destacou, em sua abertura, os melhores lotes de animais. Organizadores e lideranças convidadas entregaram aos proprietários troféus do Núcleo de Criadores de Bezerros de Guarapuava como forma de reconhecimento pela qualidade do gado colocado em pista.

Bezerras

Lote: Cruzamento Industrial de Bezerras (Lote 65)

Criatório: Fazenda Três Palmeiras/Três Ranchos

 

Lote: Padrão de Bezerras (Lote 64)

Criador: Márcio Pacheco Marques

 

Lote: Reprodução (Lote 72)

Criador: Edmar Lídio Parteka

 

Melhor Lote de Bezerras (Lote 63)

Criador: Oswaldo Rodrigues Barbosa

(Entrega do troféu: Itacir Vezzaro, vice-pref. Guarapuava)

 

Bezerros

 

Lote: Cruzamento Industrial de Bezerros (Lote 29)

Criador: Rodolpho Tavares Junqueira Botelho

 

Lote: Padrão de Bezerros (Lote 27)

Criador: Oswaldo Rodrigues Barbosa

 

Lote: Novilho Precoce (Lote 19)

Criador: Rodolpho Luiz Werneck Botelho

 

Melhor Lote de Bezerros (Lote 39)

Criador: Oswaldo Rodrigues Barbosa

 

 

Comentários

Todos os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Você pode denunciar algo que viole os termos de uso.


Microgeo 2